Cláudio Edinger

Cláudio Edinger nasceu no Rio de Janeiro em 1952. Começou a fotografar em 1970 e em 1975 realizou sua primeira exposição no Museu de Arte de São Paulo – MASP. Mudou-se para NY e em 1978 estreou seu trabalho com uma exposição no International Center of Photography (ICP-NY). Ao longo dos 20 anos que viveu em NY trabalhou em veículos como a Time, Life, Rolling Stones, Vanity Fair e New York Times. Edinger também lecionou fotografia em duas importantes escolas de arte: a Parsons e o International Center of Photography. Em 1978 Cláudio mudou-se para o famoso Chelsea Hotel, epicentro da arte e música da época, e lançou seu primeiro livro, o “Chelsea Hotel” em 1983, considerado um clássico da fotografia dos anos 70.

De New York Claudio partiu para Venice Beach na Califórnia , um dos centros do movimento da contracultura americana, e de lá saiu seu livro “Venice Beach”, ganhador do prêmio “Leica Medal of Excellence”. De volta ao Brasil, Cláudio inicia pesquisa no maior asilo de doentes mentais da América Latina, seu projeto resultou no livro “Madness” vencedor do prêmio Ernst Hass do Maine Photographic Workshop. Nos anos seguintes dedica-se a fotografar o carnaval brasileiro, contemplado com a Bolsa Vitae de Fotografia e se estabelece como um dos maiores nomes da fotografia brasileira e internacional.

Edinger impressiona pela sensibilidade, suas obras são caracterizadas por anos de dedicação a um determinado tema e escolha minuciosa de imagens. Suas fotografias capturam diferentes realidades de modo fluído, onde o fotógrafo expõe as imperfeições e contrastes que compõe a percepção humana. Para Cláudio a fotografia dá sentido concreto a uma realidade ambígua,

Recebeu inúmeros prêmios, entre eles o Prêmio Hasselblad, o Prêmio Higashikawa, o Prêmio Ernst Haas, Prêmio JP Morgan, Prêmio Pictures of The Year, Prêmio Abril, Prêmio Marc Ferrez e o Prêmio Porto Seguro. Suas fotos integram diversas coleções nacionais e internacionais, como do MASP, MIS, MAM, MAC, Pinacoteca, Metronòn (Barcelona), Higashikawa (Japão), AT&T Photo Collection, Brazil Golden Art Fund, Itaú Cultural, Centro Cultural Banco do Brasil, entre outras. Conta com 22 livros publicados.